8ª Turma do TRF4 nega habeas corpus a ex-presidente da Petros

O ex-presidente da Petros, Carlos Fernando Costa, teve negado pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), de forma unânime, um pedido de habeas corpus impetrado por sua defesa. A decisão foi proferida em sessão de julgamento do último dia 29 e divulgada ontem (03/02), mantendo a obrigação do uso de tornozeleira eletrônica.

Costa é réu no âmbito da Operação Lava Jato que investiga crimes de gestão fraudulenta, corrupção ativa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, em contratos da Petrobras referentes à ampliação das instalações da nova sede da estatal em Salvador (BA), em um imóvel denominado de Conjunto Pituba/Prédio Itaigara, de propriedade da Petros.


Fundos de Pensão