Mainnav

Previsc eleva percentual de exterior na política de investimentos

Ricardo Esch, diretor de investimentos da Previsc
Ricardo Esch, diretor de investimentos da Previsc

Atenta à necessidade de descorrelacionar uma parte de seus investimentos do que acontece no mercado doméstico, a Previsc decidiu preencher completamente a caixinha de alocação no exterior em sua política de investimentos para 2022. O percentual aplicado em fundos que investem globalmente passará dos 6% dos recursos totais da entidade para 9,5%, informa Ricardo Esch, diretor de investimentos.
O principal motivo dessa decisão vai além da busca de mais rentabilidade, dando ênfase sobretudo à descorrelação para equilibrar as carteiras. “Se

Postalis muda regras para empréstimos a participantes ativos

O Postalis, que em meados de novembro do ano passado havia anunciado a suspensão de suas operações de empréstimos aos participantes ativos em razão de inadimplência dessa carteira ter alcançado o patamar de 20%, implementou mudanças nos contratos de empréstimos para esses funcionários. A necessidade de mudança, prevendo principalmente o desconto das parcelas em folha, havia sido exigida pela Superintendência Nacional da Previdência Complementar (Previc) no ano passado.
Além da previsão expressa do desconto das parcelas em folha, as muda

Patrimônio da Funpresp supera a marca dos R$ 5 bilhões

A Funpresp superou na última terça-feira (04/01) a marca de R$ 5 bilhões em patrimônio administrado, com mais de 100 mil participantes. A marca de R$ 5 bilhões foi atingida nove meses após a marca anterior, de R$ 4 bilhões, alcançada em abril de 2021.
A entidade acumula uma rentabilidade de 140,95% num período de quase nove anos, contabilizados de fevereiro de 2013, data da criação da entidade, até novembro de 2021.
“O atingimento dessa marca é um importante indicador sobre a credibilidade da Funpresp diante de seus participantes”,

Diretora da Real Grandeza é eleita para diretoria da Unidas

A diretora de Seguridade da Fundação Real Grandeza, Patrícia Melo e Souza, foi eleita para a diretoria de Treinamento e Desenvolvimento da União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde (Unidas). A entidade atua junto às agências reguladoras como a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), além de ser a interlocutora do setor junto ao Ministério da Saúde e Congresso Nacional.
O mandato é para o biênio 2022-2024. É a seguinte a composição da nova diretoria da Unidas:

Fundação Banrisul dá posse à conselheiros

A Fundação Banrisul de Seguridade Social empossará no próximo dia 10/01, de forma virtual, os novos conselheiros deliberativos e fiscais, eleitos pelos participantes ativos e assistidos no final do ano passado e indicados pelo Banrisul, para a gestão 2022-2025.
Tomarão posse no Conselho Deliberativo, como membros efetivos, Cassio de Castro Zimmermann, Márcio Kaiser e Gaspar Saikoski, sendo o primeiro indicado pela patrocinadora e os dois últimos eleitos. Serão empossados como suplentes Maurício Michels Vidarte, João Roberto Puricelli e

Gerdau Previdência terá três perfis com investimentos no exterior

A Gerdau Previdência, dos funcionários de quase duas dezenas de empresas do grupo, está criando três novos perfis de investimentos para somar aos oito que já oferece atualmente. O diferencial é que os três novos perfis, que estarão disponíveis a partir de 15 de janeiro próximo, passarão a incluir investimentos no exterior na sua composição.
O perfil Conservador MMEx terá 70% de renda fixa, 15% de multimercado, 10% de renda variável e 5% de exterior; o Moderado MMEx terá 50% de renda fixa, 15% de multimercado, 25% de renda variável e 10%

Vivest registra rentabilidade de 7,2% no acumulado até novembro

A Vivest registrou, entre janeiro e novembro de 2021, rentabilidade acumulada de 7,2% em sua carteira de investimentos, diante da meta atuarial de 23,1% do período. A rentabilidade de novembro, isoladamente, ficou em 0,6% para uma meta atuarial de 1,9%.
Os investimentos no exterior foram os ativos que melhor performaram no acumulado de janeiro a novembro, com alta de 19,9%. Mas no mês de novembro, isoladamente, o ativo que melhor performou foi a renda fixa, com retorno de 1,6%.
O descolamento da meta dos resultados acumulados no an

Funcef reduz número de diretorias de seis para quatro

A Funcef, fundo de pensão dos funcionários da Caixa, vai reduzir o número de suas diretorias de seis para quatro, atendendo às exigências da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc). A medida, uma das principais aprovadas pelo Conselho Deliberativo da entidade na reforma do seu estatuto, preservará todos os mandatos em curso.
Além da redução do número de diretorias, o novo estatuto aprovado pelo Conselho Deliberativo definirá uma nova sistemática nas eleições para os Órgãos Colegiados e adotará a maioria simples pa

Rentabilidade acumulado da Sabesprev foi de 5,48% até novembro

A carteira consolidada da Sabesprev, fundo de pensão dos funcionários da Sabesp, apresenta valorização de 5,48% no acumulado do ano até novembro de 2021. O retorno é 8,88 pontos percentuais abaixo da meta atuarial do período, que foi de 14,36%.
No período de janeiro a novembro do ano passado, o Plano de Benefícios Básico (BD) apresentou rentabilidade de 8,98%, enquanto o Planos Sabesprev Mais e Plano de Reforço, ambos CDs, rentabilizaram -1,38% e -2,27%, respectivamente.
No mês de novembro do ano passado, isoladamente, o Plano de B

Vivest suspende distribuição de superávit de subplano

A Vivest suspendeu temporariamente, entre janeiro e março de 2022, o pagamento do benefício adicional referente ao superávit do subplano BSPS do PAP/Fundação CESP no ano de 2019. O benefício começou a ser pago em outubro de 2020, de maneira retroativa a janeiro daquele ano.
A suspensão foi aprovada pelo comitê gestor do plano e pelo Conselho Deliberativo da Vivest com base em uma projeção de resultados que é realizada trimestralmente pela área atuarial. Este levantamento apontou a diminuição do superávit e a necessidade de uma interrupç