Mainnav

FIPs elevam provis√£o para perda e afetam rentabilidade da Forluz

Usina Santo AntonioA Forluz, funda√ß√£o previdenci√°ria dos funcion√°rios da Cemig, informou que os fundos de investimentos em participa√ß√Ķes (FIPs) Malbec e Melbourne, investidos pela entidade e mais outras sete funda√ß√Ķes no ano de 2014, tiveram sua provis√£o para perda ajustada de 50% para 75% do valor referente √† op√ß√£o de venda das cotas (Put). Os fundos foram liquidados no in√≠cio do ano passado ap√≥s a Modal Administradora de Recursos, que fazia tamb√©m a gest√£o dos fundos, renunciar sem ser substitu√≠da por outros administradores ou gestores.
O contrato previa que, nesse caso, os cotistas teriam direito a um ‚Äúput‚ÄĚ para vender suas cotas √† Cemig-GT, com o valor investido corrigido por IPCA + 7%. A Cemig, no entanto, alegando que ‚Äúas premissas e condi√ß√Ķes que fundamentaram o investimento na Santo Ant√īnio Energia e a estrutura jur√≠dica dos diversos contratos firmados para esse fim sofreram modifica√ß√Ķes substanciais que resultaram em desequil√≠brio nas op√ß√Ķes‚ÄĚ, negou-se a pagar essa corre√ß√£o e foi √† arbitragem buscando uma decis√£o mais favor√°vel.
A arbitragem ainda est√° em andamento. Mas o ajuste da provis√£o para perda, de 50% para 75%, em nada afeta esse processo, explica a Forluz. ‚Äú√Č importante ressaltar que o provisionamento se deve ao cumprimento de requisito legal e n√£o est√° relacionado √† perspectiva de √™xito no processo de arbitragem que est√° em curso sobre o assunto‚ÄĚ, comunica a entidade.

Resultados de agosto - Os efeitos desse aumento de provis√£o sobre os resultados dos investimentos da entidade, no entanto, j√° se fazem sentir. Eles impactaram a carteira de investimentos estruturados da funda√ß√£o que fechou agosto com retorno negativo de 7,67%. Isso afetou o desempenho do plano A, de R$ 6,25 bilh√Ķes de investimentos, que fechou o m√™s com rentabilidade de menos 0,08%, informa a entidade.
J√° no plano B, com investimentos de R$ 11,73 bilh√Ķes, apenas o perfil Agressivo fechou o m√™s com desempenho negativo de 0,69%, mas devido principalmente √† sua maior concentra√ß√£o em renda vari√°vel. Os demais perfis tiveram rentabilidade positiva: Ultraconservador com 1,19%, o Conservador com 0,79% e o Moderado com 0,24%.
No plano Taesaprev, com investimentos de R$ 57,54 milh√Ķes, o perfil Ultraconservador rentabilizou -0,14%, o Conservador -0,30%, o Moderado -0,69% e o Agressivo -1,34%.