Mainnav

Sem previsão de retorno à sede
Localizada em Porto Alegre, Fundação Banrisul foi uma das mais atingidas pelas enchentes que castigaram o Rio Grande do Sul

Edição 367

Berzagui,Jorge 19abrEntre os fundos de pensão do Rio Grande do Sul, a EFPC do Banrisul foi uma das mais atingidas pelas enchentes. O presidente Jorge Berzagui conta que o prédio onde fica sua sede está na zona central de Porto Alegre, uma das regiões que primeiro foi atingida pela água e também uma das mais afetadas.
Ele conta que costuma chegar ao escritório por volta das 7:00h e às 8h30, como sua sala fica na parte dos fundos do prédio, foi alertado pelos funcionários de que um espelho d’água estava se formando na avenida da frente, a avenida Mauá. “Olha pela janela, você vai ver que a água já está subindo, eles me disseram”, lembra Berzagui. Segundo ele, quando foi para a janela para olhar a rua, do 12º andar onde fica o prédio, a água já cobria de 40 e 50 centímetros da avenida.
Ele então deu a ordem de evacuação. Foram 30 minutos para retirada dos funcionários e desligamento dos equipamentos do escritório. Quando chegou ao térreo a água já estava na altura dos joelhos e o pessoal teve que sair rapidamente enquanto o nível subia a cada minuto. Em poucos dias o nível atingiria dois metros, deixando completamente inundadas a parte térrea e o subterrâneo do edifício.
Com a pressa de deixarem o edifício, alguns funcionários não conseguiram levar seus computadores, o que resultou na necessidade de comprar 30 novos equipamentos nos dias seguintes para conseguirem realizar as tarefas mínimas em home office. Segundo Berzagui, a entidade ficou quatro dias off-line, retomando as atividades apenas no quinto dia.
Nesse dia eles perceberam que tinham perdido o acesso ao Centro de Processamento de Dados (CPD) principal, cuja hospedagem estava em servidor na nuvem, o qual não podia ser conectado porque não havia sinal de internet. Como tinham um plano de emergência, com backup dos dados em CPD instalado na sede do patrocinador, localizada a algumas quadras da fundação, tentaram acionar esse CPD 2. Sucesso zero, uma vez que a sede Banrisul também estava inundada, sem pessoas para ajudá-los e igualmente sem acesso de internet.

De volta à rotina - Quando as águas baixaram, a entidade começou o trabalho de recuperação. Já foi feita uma limpeza profunda e, em meados de junho, restava um processo de higienização a fazer. O prédio seguia sem água nas torneiras e os elevadores ainda não estavam funcionando. A energia elétrica ainda não tinha sido restabelecida mas na data dessa entrevista à Investidor Institucional Berzagui tinha a expectativa de que isso devia acontecer “em breve”.
Os funcionários continuam em esquema de home office, com exceção de parte da equipe da gerência de patrimônio que conseguiu se alojar no terceiro andar do edifício graças a um gerador alugado. “Após a retomada da energia, vamos reativar os elevadores, nosso CPD, e gradativamente vamos começar a restabelecer as nossas rotinas”, planeja o presidente da fundação. “Acredito que o trabalho presencial poderá ser retomado, ainda que parcialmente, a partir da segunda quinzena de julho.”
Apesar das dificuldades de acessar o CPD principal, o pagamento da folha de benefícios pode ser feita com o acesso ao CPD 2. A fundação está disponibilizando um site temporário, como menos funções, como por exemplo o simulador de benefícios, até que o site principal possa ser colocado no ar.
Berzagui conta que muitos funcionários foram diretamente afetados, pois uma grande parte deles mora na periferia de Porto Alegre ou nas regiões próximas à capital, onde a água atingiu alturas que nunca tinham sido alcançadas. A fundação adiantou o pagamento do 13º salário, para ajudar os funcionários com as despesas emergenciais.
A fundação Banrisul vai aproveitar o momento de reconstrução para implementar algumas medidas que almejava mas não eram vistas como prioridade, como a melhoraria dos equipamentos e dos serviços e a criação de um CPD 3, em local ainda a definir. “Vamos aproveitar para promover um salto de qualidade na fundação Banrisul”, finaliza Berzagui.