Infraprev vende participação em FIP e quer reduzir ainda mais posição no segmento

O Infraprev concluiu sua primeira negociação para venda da participação em um Fundo de Investimento em Participações (FIP). De acordo com comunicado do instituto, a medida faz parte de uma estratégia do fundo de pensão dos funcionários da Infraero para trazer maior rentabilidade à carteira de investimentos, gerando mais liquidez. O Infraprev, que chegou a ter em torno de 15% de suas alocações em FIPs, tem uma posição de menos de 5% no segmento atualmente.

Ainda segundo comunicado, há cerca de um ano, o instituto criou um Comitê Especial de Ativos Estressados, responsável por mapear ativos em atenção e recomendar providências em caso de desempenho abaixo do desejável. "Hoje temos quotas em 12 FIPs. A intenção não é zerar a participação, mas mitigar os riscos e reduzir os custos operacionais, dinamizando a carteira”, diz a diretora de administração e finanças, Juliana Koehler, na nota. “O objetivo é preparar o instituto para um processo de seleção e monitoramento desses fundos em linha com as melhores práticas de mercado e com o tamanho do Infraprev", complementa.

Nessa primeira venda, foi feita uma análise de viabilidade e a alienação foi concluída após duas rodadas de oferta ao mercado secundário. O Infraprev não divulgou o valor da negociação e qual foi o ativo vendido. Segundo o instituto, há ainda mais quatro FIPs em potencial para venda este ano.


Cadastre-se e receba gratuitamente newsletter do site Investidor Institucional, com síntese das nossas notícias diárias. Preencha os dados abaixo e nos envie, inserindo a seguir o email ii@investidorinstitucional.com.br na sua lista de contatos para não sermos barrados como spam.
Li e concordo com termos e condições de uso