Mainnav

Anbima passa a precificar diariamente os FIDCs

A Associa√ß√£o Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) iniciou na √ļltima segunda-feira (18/10) a divulga√ß√£o di√°ria das taxas e pre√ßos indicativos de Fundos de Investimento em Direito Credit√≥rio (FIDCs). Segundo a entidade, a precidica√ß√£o segue metodologia desenvolvida especificamente para esse tipo de fundo estruturado.
A iniciativa tem o objetivo de fomentar a liquidez do produto no mercado financeiro, com o aumento da transpar√™ncia e da seguran√ßa proporcionadas aos investidores, diz a Anbima em nota. O volume de ofertas p√ļblicas desses fundos est√° no maior patamar dos √ļltimos seis anos, com R$ 42,6 bilh√Ķes emitidos em 2021 (at√© setembro), em 335 opera√ß√Ķes. O resultado representa avan√ßo sobre o total movimentado nos doze meses de 2020, quando foram registrados R$ 33,8 bilh√Ķes, em 306 ofertas.
"Al√©m das emiss√Ķes prim√°rias, o mercado secund√°rio de FIDCs tem crescido substancialmente nos √ļltimos anos. A precifica√ß√£o desses ativos deve estimular ainda mais as negocia√ß√Ķes", afirma Hilton Notini, gerente de Pre√ßos e √ćndices da Anbima.