Mainnav

Fachesf seleciona novos gestores e aloca mais em crédito privado

Felipe AndradeFachesfA Fachesf concluiu ontem (11/06) o processo de sele√ß√£o de quatro gestores para fundos de cr√©dito privado abertos, l√≠quidos, iniciativa que ir√° ampliar o alcance de sua aloca√ß√£o nesse mercado, explica o diretor de administra√ß√£o e finan√ßas da entidade, Felipe Andrade. ‚ÄúCom a aprova√ß√£o dos novos gestores ‚Äď Sul Am√©rica, JGP, Bradesco e Root -, que ser√£o respons√°veis pela gest√£o de R$ 200 milh√Ķes distribu√≠dos entre quatro novos fundos, de perfil mais high grade, vamos entrar no universo dos ve√≠culos l√≠quidos de cr√©dito privado‚ÄĚ, diz.
At√© agora essa aloca√ß√£o estava restrita a um dos planos de benef√≠cio e era feita apenas por meio de fundos fechados, de longo prazo, que respondem hoje por 3,5% dos ativos totais de R$ 8,4 bilh√Ķes da Fachesf. Esses fundos fechados ser√£o mantidos, o que significa que a nova aloca√ß√£o ir√° quase dobrar o percentual investido na classe. ‚ÄúAl√©m disso, todos os planos passar√£o a ter acesso aos mesmos fundos, mudando apenas o percentual a ser alocado por meio do fundo consolidador de cr√©dito privado‚ÄĚ, explica.
O cr√©dito privado √© uma prioridade de investimentos da entidade e vem logo depois dos t√≠tulos p√ļblicos, que hoje ocupam 45% da carteira total, sendo a grande maioria deles com marca√ß√£o na curva. A mudan√ßa integra um plano mais amplo de revis√£o de toda a carteira de investimentos, que come√ßou a ser preparado a partir de agosto de 2023, quando Andrade assumiu a diretoria da √°rea. ‚ÄúTemos discutido esse ajuste de modo a deixar a carteira mais adequada √† nossa vis√£o‚ÄĚ, explica.
Nas duas pr√≥ximas semanas dever√£o ser conclu√≠dos os processos de sele√ß√£o para gestores de fundos IMAB-5 e de fundos multimercados. No in√≠cio de julho, a entidade espera aprovar tamb√©m novos gestores de fundos de renda vari√°vel. A revis√£o, informa o diretor, inclui ainda uma nova estrutura das aloca√ß√Ķes.
Em maio de 2024, a entidade vendeu R$ 787 milh√Ķes em NTN-Cs, t√≠tulos p√ļblicos indexados ao IGP-M, dentro do processo de imuniza√ß√£o do passivo. O objetivo foi reduzir o risco de descasamento entre ativos e passivos, diz Andrade, uma vez que a funda√ß√£o trocou seu indexador no ano passado, adotando o IPCA em lugar do IGP-M.