Mainnav

Press√£o inesperada desequilibra o cen√°rio Marcelo Cirne de Toledo

Marcelo Cirne de Toledo
Marcelo Cirne de Toledo

Edição 342

Nos deparamos, ao final de 2021, com boa parte do quadro macroecon√īmico correspondendo √†s expectativas e um problema inesperado. Vacina√ß√£o em escala, reabertura das economias, robusta recupera√ß√£o da atividade, pol√≠ticas monet√°rias e fiscais expansionista em muitos pa√≠ses e a√ß√Ķes dos governos para reduzir as desigualdades agravadas pela pandemia faziam parte do roteiro esperado. O grande desequil√≠brio √© que a infla√ß√£o se mostrou significativamente mais elevada e difusa entre diversos pa√≠ses.
Mais da me

A saída está na prosperidade Arlindo Raggio Vergaças Jr

Arlindo Raggio Vergaças Jr.
Arlindo Raggio Vergaças Jr.

Edição 342

O Brasil vem tendo uma propens√£o a acomodar demandas sociais atrav√©s da expans√£o do gasto p√ļblico. Nem todas s√£o leg√≠timas, por√©m. Muitas adv√©m do trip√© formado por corporativismo, patrimonialismo e populismo, que nos acompanha h√° muito tempo. De acordo com dados do IBRE, entre 1986 e 2019, o gasto p√ļblico federal saltou de 12,7% para 19,6% do PIB, um aumento de quase sete pontos percentuais. Para financiar esse aumento de gastos, a carga tribut√°ria tamb√©m subiu 7% do PIB, do fim da d√©cada de 80 para c√°. A

√Č hora de focar no que interessa Lu√≠s Ricardo Martins

Luís Ricardo Martins
Luís Ricardo Martins

Edição 341

A previd√™ncia complementar fechada do Brasil √© um caso de sucesso, reconhecido n√£o s√≥ em nosso pa√≠s mas tamb√©m no exterior. Entre os v√°rios pilares que sustentam esse √™xito, a governan√ßa merece lugar de destaque: tanto a Abrapp, que re√ļne as entidades do sistema, como suas associadas t√™m desenvolvido h√° d√©cadas uma s√©rie de iniciativas nesse sentido, visando o fortalecimento da integridade, do compliance e de combate √† corrup√ß√£o e √† lavagem de dinheiro.
Além disso, a Previc (Superintendência Nacional

Infla√ß√£o: a heran√ßa econ√īmica da Covid-19 Elisa Machado

Elisa Machado
Elisa Machado

Edição 341

Sofremos uma crise sanit√°ria de car√°ter global sem precedentes na hist√≥ria recente, que imp√īs medidas dr√°sticas de isolamento social ao redor do mundo. Rapidamente, ela se tornou tamb√©m uma crise econ√īmica, com restri√ß√Ķes de atividade que mudaram o padr√£o de consumo dos agentes e ocasionou a perda de neg√≥cios e empregos, o que restringiu a capacidade de oferta da economia.
Enquanto em 2008 o choque financeiro endógeno teve seu efeito primário na demanda agregada, o atual choque sanitário teve caráter

A bolsa ainda traz oportunidades Juan Morales

Juan Morales
Juan Morales

Edição 340

A vida √© incerta de v√°rias maneiras e para gestores de investimentos obviamente n√£o deveria ser diferente. Investidores sempre est√£o dispostos a pagar uma quantia de dinheiro hoje para um retorno incerto no futuro, seja de curto ou longo prazo. O mercado de a√ß√Ķes certamente √© um dos que embutem mais incertezas pela pr√≥pria natureza din√Ęmica das empresas subjacentes, o que torna muito desafiador aos analistas especializados tra√ßar proje√ß√Ķes minimamente confi√°veis em prazos mais longos. Contudo as a√ß√Ķes semp

O ano de 2022 trar√° grandes desafios Andressa Castro

Andressa Castro
Andressa Castro

Edição 340

Fechamos o terceiro trimestre do ano com mais d√ļvidas do que quando entramos e daqui para frente a visibilidade n√£o deve melhorar. A dispers√£o das proje√ß√Ķes macroecon√īmicas para 2022 √© enorme e refletem cen√°rios completamente antag√īnicos: de crescimento do PIB √† recess√£o, de controle fiscal ao furo do teto de gastos, de desancoragem das expectativas de infla√ß√£o ao cumprimento da meta, de chuvas ao racionamento h√≠drico. Cabe a n√≥s surfar sobre o que acreditamos ser o valor esperado de todos esses eventos, m

Planejando o asset allocation de 2022 Fernando Lovisotto

Fernando Lovisotto
Fernando Lovisotto

Edição 339

Mais uma vez nos aproximamos do fim do ano, dessa vez vivendo o processo de normalização das taxas de juros que trouxe a taxa Selic de 2% para 8,5% (projeção do Focus) e, diante disso, temos a seguinte pergunta para responder: qual deveria ser o asset allocation para o ano de 2022?
Esta pergunta nunca é fácil e para respondê-la sempre partimos da premissa de que os investidores institucionais são investidores de longo prazo, ou seja, têm por objetivo gerar retornos reais, superiores às suas metas, num

Mudança dos ventos internacionais Tatiana Pinheiro

Tatiana Pinheiro
Tatiana Pinheiro

Edição 339

Condi√ß√Ķes extraordin√°rias de liquidez regeram este ano. Os est√≠mulos monet√°rios e fiscais em resposta √† pandemia nas economias avan√ßadas e emergentes resultaram em recupera√ß√£o r√°pida da mais profunda recess√£o dos √ļltimos 40 anos. √Č esperado crescimento mundial em 6,0% em 2021, ap√≥s contra√ß√£o de 3,2% em 2020.
A economia mundial est√° em expans√£o, est√°gio do ciclo econ√īmico em que o crescimento √© relativamente r√°pido, as taxas de juros tendem a ser baixas, a produ√ß√£o e as press√Ķes inflacion√°rias aumenta

Gest√£o baseada em multifatores Paula Salamonde

Paula Salamonde
Paula Salamonde

Edição 338

Sabemos que o principal objetivo do regime de previd√™ncia complementar √© prover rendimentos adequados para a aposentadoria de cada participante. As contribui√ß√Ķes efetuadas ao longo da vida laboral do participante bem como o retorno dos investimentos s√£o os fatores-chave para determinar o valor das aposentadorias. O estudo de caso do Fundo de Pens√£o do Governo Noruegu√™s (GPFG) mostra que o retorno dos investimentos no longo prazo √© impulsionado mais pela estrat√©gia de aloca√ß√£o em classe de ativos dos planos

Tributação e efeitos em PE/VC Piero Minardi e Tatiana Penido

Piero Minardi e Tatiana Penido
Piero Minardi e Tatiana Penido

Edição 338

Dentre as muitas discuss√Ķes que o Projeto de Lei n¬ļ 2.337/21 (propagandeada Segunda Fase da Reforma Tribut√°ria) tem suscitado, a previs√£o que visa reinstituir a tributa√ß√£o do Imposto de Renda (IR) sobre os lucros e dividendos talvez seja uma das que tem maior chance de repercutir transversalmente na economia nacional, afetando de forma ampla os investidores das companhias dos diversos setores e estruturas de investimento. Nos termos da reda√ß√£o atual do PL 2.337/21, o IR incidir√°, via de regra, √† al√≠quota d