Mainnav

Sitawi separa √°reas sem e com fins lucrativos em duas empresas

Gustavo PimentelSitawiA Sitawi Finan√ßas do Bem, que hoje opera duas atividades complementares, sendo uma com fins lucrativos e outra sem fins lucrativos, vai transform√°-las em duas empresas independentes a partir do ano que vem. Segundo comunicado da empresa ‚Äúa transi√ß√£o se dar√° no primeiro semestre de 2022 e ser√° conduzida de forma respons√°vel com todos os p√ļblicos, sendo que para os parceiros externos ... o dia-a-dia continuar√° sem altera√ß√Ķes significativas‚ÄĚ.
A primeira pergunta que surge √© se houve desentendimento entre as partes. A resposta do s√≥cio Gustavo Pimentel, que ficar√° √† frente da empresa com fins lucrativos, √© que n√£o. ‚ÄúNo in√≠cio do desenvolvimento de alguns ecossistemas nos quais estamos inseridos, fez mais sentido ter uma √ļnica marca e organiza√ß√Ķes conectadas. Agora acreditamos que, com a maturidade destes ecossistemas, estes ser√£o melhor servidos com duas marcas e organiza√ß√Ķes independentes‚ÄĚ, diz ele.
O motivo da separa√ß√£o estaria mais numa vis√£o estrat√©gica de cada uma das opera√ß√Ķes. Segundo o comunicado, ‚Äúal√©m do acelerado crescimento nos √ļltimos anos de cada programa, ambos t√™m planos de crescimento ambiciosos‚ÄĚ. Esses planos incluem a mobiliza√ß√£o de R$1 bilh√£o em projetos sociais pela √°rea sem fins lucrativos at√© 2025, assim como a expans√£o das atividades de finan√ßas sustent√°veis da empresa com fins lucrativos para toda Am√©rica Latina, com a triplica√ß√£o da equipe.
‚ÄúA adapta√ß√£o do modelo operacional √© reflexo do grande √™xito de ambos os programas e da forte evolu√ß√£o de seus respectivos mercados‚ÄĚ, afirma Leonardo Letelier, que ficar√° √† frente da opera√ß√£o sem fins lucrativos.
Do ponto de vista jur√≠dico as duas √°reas sempre foram separadas, com a √°rea de Letelier operando atrav√©s de uma Organiza√ß√£o da Sociedade Civil de Interesse P√ļblico (Oscip), usando o nome Sitawi, e a √°rea de Pimentel, que desenvolve o Programa de Finan√ßas Sustent√°veis, operando com a raz√£o social Koan Finan√ßas Sustent√°veis. No entanto, operacionalmente, ambas usavam o mesmo nome desde que foram criadas, h√° nove anos, compartilhando tamb√©m a infraestrutura f√≠sica, digital e pol√≠ticas institucionais.
A partir do ano que vem a Koan, que continuar√° sob a dire√ß√£o do s√≥cio majorit√°rio Pimentel, adotar√° um nome pr√≥prio que ainda n√£o est√° definido, e a Ocip manter√° o nome Sitawi nas suas opera√ß√Ķes, continuando sob a presid√™ncia de Letelier, seu fundador. Nenhum deles t√™m hoje, ou ter√° ap√≥s a segrega√ß√£o, participa√ß√£o societ√°ria nas atividades da outra opera√ß√£o, esclarece Pimentel. Ele tamb√©m explica que a separa√ß√£o do neg√≥cio em duas empresas n√£o envolver√° pagamentos, seja em dinheiro, a√ß√Ķes ou royalties, de uma parte √† outra.
Na segrega√ß√£o, o custeio das atividades da Ocip deixar√° de contar com 10% das receitas l√≠quidas da Koan, que hoje comp√Ķe suas receitas juntamente com as contribui√ß√Ķes recebidas de diversas outras fontes. Segundo o comunicado, as contribui√ß√Ķes da nova empresa para a Ocip v√£o continuar ocorrendo ao longo do tempo, especialmente em projetos de ‚Äėbenef√≠cio p√ļblico‚Äô, mas de forma volunt√°ria e n√£o mais ‚Äúautom√°tica‚ÄĚ.
Ainda de acordo com o comunicado, as duas organiza√ß√Ķes manter√£o a vis√£o compartilhada de ‚Äúum mundo onde o capital √© mais barato, abundante e paciente para organiza√ß√Ķes que promovem impacto socioambiental positivo‚ÄĚ.